You are currently viewing Esteatose hepática – 7 Alimentos que devem ser evitados no fígado gorduroso.

Esteatose hepática – 7 Alimentos que devem ser evitados no fígado gorduroso.

Compartilhe.

Esteatose hepática ou fígado gorduroso.

alimentos para esteatose hepática

Primeiramente, alimentos para esteatose hepática devem ser muito bem escolhidos na sua dieta.                                    Fígado gorduroso ou esteatose hepática é uma doença muito incidente na população.

Dessa forma, nesse vídeo vamos te falar 7 alimentos proibidos na esteatose hepática, ou que pelo menos deveriam ser evitados por pacientes que possuem gordura no fígado.

Então, a esteatose hepática (fígado gorduroso) é o processo de acúmulo de gordura na células do fígado.

Entretanto, quando ocorre essa infiltração gordurosa, o fígado começa a sofrer e evoluir com processo inflamatório local devido a gordura no fígado.

 

Tipos de esteatose hepática.

Tem vários tipos de esteatose hepática;

Esteatose hepática alcóolica e não alcóolica.

 

Sintomas de esteatose hepática.

Nesse sentido, os sintomas da gordura no fígado, são;

  • -Cansaço excessivo;
  • -Desconforto abdominal do lado direito;
  • -Mal-estar geral;
  • -Inchaço na barriga;
  • -Perda de peso sem causa aparente;
  • -Fezes mais claras;
  • -Coceira na pele;
  • -Náuseas, vômitos e diarreia.

 

Contudo, tem alimentos que pioram a gordura no fígado e dessa forma são proibidos nesses pacientes, que são;

  • – Gorduras
  • – Açucar, doces etc
  • – Cereais refinados
  • – Embutidos e produtos industrializados.

 

Alimentos para esteatose hepática.

Sendo assim, do lado contrário, alimentos para esteatose hepática com gordura boa como abacate, alimentos integrais, tendem a melhorar a gordura no fígado.

Afinal,  muito se pergunta como reverter a gordura no fígado, como eliminar a gordura no fígado ou como limpar a gordura no fígado.

Portanto, o tratamento da esteatose hepática (gordura no fígado) é direcionado a causa.

Contudo, a  mudança no estilo de vida, alimentação saudável é o principal.


Compartilhe.

Dr. Márcio Fernandes

Especialista em cirurgia de cabeça e pescoço e cirurgia Geral.

Deixe um comentário